ENEC “Simplifica”

A bela cidade de Aveiro acolheu o Encontro Nacional de Estudantes Católicos onde se reuniram 28 jovens (com alguns acréscimos ao longo dos dias) de 1 a 4 de março.

O tema central deste Encontro foi o Minimalismo e a Simplicidade. Foram muitos os debates, reuniões e discussões em volta do materialismo, consumismo e barreiras que não nos deixam comunicar com as pessoas (redes sociais). Com a ajuda do Assistente da Equipa do Ensino Superior de Leiria, Pe. Eduardo Caseiro, e relembrando São Francisco de Assis foi possível aprofundar mais o tema e procurar como cada um poderia ser mais simples nas relações com os outros, na vida quotidiana e consigo próprio.

A nossa ação para não deixar a simplicidade por estes 4 dias e levá-la a outros está agora a decorrer e a correr pelas redes sociais! Vai acompanhando!

  • Ir ao ENEC 2019 fez-me refletir, e deu-me vontade de agir. Entrei na sexta numa casa com um grupo de estranhos mas senti que sai de lá com uma segunda família. O MCE faz-nos questionar o caminho que escolhemos, e o nosso papel na sociedade. Deixou-me de coração cheio. Definitivamente é uma experiência fantástica e a repetir.

    Pedro Rolo, 20 anos
    Estudante de Engenharia Mecânica na Universidade de Coimbra

  • Só recentemente comecei a fazer parte do movimento. Aderi exitante, e ainda mais exitante estive quando fui para o ENEC.

    A verdade, no entanto, é que foi, e tem sido, uma experiência magnífica; abundante quer no campo espiritual, quer no social, os quais passo a aprofundar.
    Quanto ao primeiro, bem, é incrível como a equipa temática o conseguiu inserir, sem prejudicar o campo social, ou parecer um martírio. refletir e orar.
    Com efeito, o tema do encontro, "Simplicidade", foi muitíssimo bem explorado, resultando numa profunda e produtiva introspeção, que nos preencheu o coração. Quanto ao segundo, o campo social, atribuo os louros não à animação - que também foi excelente - mas aos membros do Movimento, que são pessoas incríveis, sendo todos essenciais para a comunidade!
    Em suma, foi uma experiência única, capaz de realizar o coração, capaz de nos tornar pessoas muito melhores.

    Jaime Faria, 18 anos
    Estudante de Ciências e Tecnologias na Escola Secundário José Estevão

  • Partilha esta notícia com os teus amigos!

    Leave a Comment

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *